Taquicardia por reentrada nodal (TRN) é o tipo mais comum das taquicardias paroxísticas supraventriculares (TPSV) ocorrendo em aproximadamente 50% dos pacientes com TPSV com predominância do sexo feminino e em adultos jovens. Tem como mecanismo eletrofisiológico a reentrada envolvendo duas vias de condução com características distintas no nó atrioventricular. Apresentação clínica A TRN é caracterizada por um início e término súbitos dos episódios. Os episódios podem durar de segundos, minutos ou dias. Na ausência de doença cardíaca estrutural, é geralmente…
As taquicardias por reentrada atrioventricular (TRAV) apresentam como características movimentos circulares do impulso elétrico envolvendo átrios e ventrículos utilizando o sistema normal de condução e via acessória que conduzem em ambos os sentidos (anterógrada e retrogradamente em torno de 60%) caracterizando os padrões de pré-excitação ventricular, sendo chamada de síndrome de Wolff-Parkinson-White (WPW) sua forma típica ( caracterizada por sintomas e pré-excitação ventricular no ECG) e as que possuem condução anterógrada ou retrógada exclusivas. Tem uma prevalência de 0,15% -…
São taquicardias dependentes de movimento circular do impulso elétrico ao redor de barreiras anatômicas/ cicatrizes(áreas de condução lenta) na musculatura atrial. A forma mais comum é o Flutter Atrial típico. Apresentação Clínica Os pacientes com Flutter Atrial apresentam-se desde assintomáticos até com palpitações com frequência cardíaca (FC) irregular, se ocorrer bloqueio variável da condução atrioventricular, precordialgia, dispnéia, surgimento ou agravamento da insuficiência cardíaca e fenômenos embólicos (risco 1,7-7%). Taquicardiomiopatia é uma condição relativamente comum nos pacientes com Flutter Atrial com…
Por definição a FA é uma arritmia supraventricular em que ocorre uma completa desorganização na atividade elétrica atrial, fazendo com que os átrios percam sua capacidade de contração. É a arritmia cardíaca sustentada mais frequente encontrada na pratica clínica, estima-se que seja responsável por 33% de todas as internações por arritmias, ou seja, cerca de 1/3 das internações por arritmias são por FA. Hoje, com o conhecimento dos fatores causadores e mantenedores da FA e das diversas doenças que podem…
São arritmias originadas dos ventrículos direito ou esquerdo caracterizadas por extrassístoles ventriculares (ESV) ou taquicardias ventriculares (TV) que podem estar presentes em corações estruturalmente normais ( TVs idiopáticas, TVs secundárias às canalopatias (TVs da Síndrome de Brugada, da síndrome do QT longo, síndrome do QT curto, síndrome da onda J, TV polimórfica catecolaminérgica), TVs secundárias aos distúrbios hidroeletrolíticos entre outras causas) ou em corações com alterações estruturais ( secundárias às doença arterial coronária, miocardiopatia dilatada idiopática, cirurgia de correção de…
A bradicardia, por definição, é um ritmo cardíaco de <50 batimentos, que pode ser um fenômeno fisiológico normal ou resultar de uma doença cardíaca ou não cardíaca. Muitas vezes as bradicardias são causadas por drogas inotrópicas negativas que após a suspensão das mesmas há o restabelecimento da FC normal ou são secundárias à distúrbios hidroeletrolíticos, doenças tireoidianas ou neurológicas, dentre outras. O automatismo sinusal é a característica fisiológica mais evidente do nó sinusal e essa propriedade é expressada na forma…

Facebook

 

Instagram

Gallery Image from Instagram

The access_token provided is invalid.

Notícias e dicas

Quando fazer um check-up cardiovascular
O check-up cardiovascular consiste num grupo de exames que ajudam o médico a avaliar o risco de ter ou desenvolver um problema cardíacos ou ...
 17 Julho 2017
  1293  
O check-up cardiovascular consiste num grupo de exames que ajudam o médico a avaliar o risco de ter ou desenvolver um problema cardíacos ou circulatório, como insuficiência cardíaca, arritmia ou ...
 1293 
O check-up cardiovascular consiste num grupo de exames que ajudam o médico a avaliar o risco de ter ou desenvolver um problema cardíacos ou ...
17 Julho 2017
Quais são os sintomas de coração dilatado
Os sintomas de coração grande, também conhecido como cardiomegalia, estão relacionados com a dilatação do músculo cardíaco, que faz com que o sangue ...
 26 Junho 2017
  3818  
Os sintomas de coração grande, também conhecido como cardiomegalia, estão relacionados com a dilatação do músculo cardíaco, que faz com que o sangue se acumule dentro do coração, nas veias e nos ...
 3818 
Os sintomas de coração grande, também conhecido como cardiomegalia, estão relacionados com a dilatação do músculo cardíaco, que faz com que o sangue ...
26 Junho 2017
O que causa sopro no coração e como tratar
O sopro é um som de uma turbulência sofrida pelo sangue durante a passagem pelo coração, ao atravessar suas valvas ou se chocar com seus músculos. ...
 29 Maio 2017
  2135  
O sopro é um som de uma turbulência sofrida pelo sangue durante a passagem pelo coração, ao atravessar suas valvas ou se chocar com seus músculos. Nem todo sopro indica uma doença cardíaca, pois ...
 2135 
O sopro é um som de uma turbulência sofrida pelo sangue durante a passagem pelo coração, ao atravessar suas valvas ou se chocar com seus músculos. ...
29 Maio 2017